designer-camiseta-certa-em-atacado-de-marcas.jpg

Design de Camisetas

Escolhendo a camiseta certa

A camiseta que vai ser utilizada deve ser de preferência de algodão com malha escovada. É muito recomendado que a camiseta seja lavada antes de ser estampada para evitar problemas quanto ao encolhimento, danificando a estampa.

Abaixo segue um guia com informações técnicas sobre os materiais que compõem uma camiseta.

Tecido
O tecido interfere diretamente no visual da camiseta, bem como no conforto em vestir. Portanto, na hora de escolher o tecido ideal para confeccionar sua camiseta, você deve levar em conta a finalidade para a qual ela será empregada. O tecido poderá ser:

Algodão
Quando se fala em tecido de algodão, significa que é 100% algodão. A camiseta terá performance diferenciada de acordo com o tipo de fio, tipo de trama e o processo de lavagem ao qual a malha possa ter sido submetida. Indicado para camisetas de promoção e divulgação (principalmente eventos promocionais) e camisetas para estampar e vender.

Poliviscose
Composto por 67% poliéster e 33% viscose, é um tecido de excelente qualidade e durabilidade. Pelas suas características de durabilidade e conforto é mais indicado para uniformes de escola e empresas.

Poliéster
Tecido 100% poliéster. Há vários tipos de tecido poliéster. Um dos mais conhecidos é o dry-fit, tecido desenvolvido com tecnologia de engenharia de performance, um sistema tecnológico em que a construção do tecido é projetada para a absorção do suor do corpo. São microfibras de última geração que facilitam o transporte do suor para o exterior do tecido, acelerando sua secagem, mantendo o corpo seco e a temperatura estável. Os tecidos dry são confortáveis e apresentam ótimo caimento e toque sedoso. É indicado principalmente para a prática de esportes, mas muito utilizado também para uniformes e camisetas promocionais.

Tipo de fio
São duas as modalidades de fio mais utilizadas: fio 24 (tecnicamente, fio 24.1) que é um fio de maior espessura e fio 30 (tecnicamente, fio 30.1) que é um fio de menor espessura e, consequentemente, de melhor qualidade. Os tipos de fio são:

Fio Open End
Fio oco (sem algodão no meio) e áspero. É um tipo inferior de fio com encolhimento maior.

Fio Cardado
Fio maciço com encolhimento médio e de ótimo custo benefício.

Fio Penteado
Fio maciço, de alta qualidade com o mínimo de encolhimento.

Fios
Os fios mais utilizados atualmente no mercado são os fios 24.1 e 30.1, por se adaptarem melhor as necessidades do mercado. Esses fios bem trabalhados podem oferecer um ótimo custo benefício.

20.1
Fio 20.1 (Lê-se fio vinte por um). Este fio é um fio de maior espessura, mais grosso que o 30.1 e 24.1. O melhor coeficiente encontrado por nós no fio 20.1 é de 18 tramas por polegada. Grau de encolhimento proporcional ao do fio 30.1 penteado.

24.1
Fio 24.1 (lê-se, fio vinte e quatro ponto um) também chamado somente de fio 24. Este fio é de maior espessura, isto é, mais grosso que o fio 30.1. O melhor coeficiente encontrado por nós no fio 24.1 é de 15 tramas por polegada.

30.1
Fio 30.1 (lê-se, fio trinta ponto um) também chamado somente de fio 30. Este fio é de menor espessura, isto é, mais fino que o fio 24.1. É considerado um fio de melhor qualidade, por ser mais leve.

30.1 Penteado – Fio mais macio e com menor grau de encolhimento. O Melhor coeficiente encontrado por nós no fio 30.1 PENTEADO é de 25 tramas por polegada.

30.1 Cardado – Fio mais seco e suscetível a encolhimento. O melhor coeficiente encontrado por nós no fio 30.1 CARDADO é de 22 tramas por polegada.

Gola
A gola possui variantes:

  • Gola com ribana de elastano (96% algodão e 4% elastano);
  • Gola colocada com aparelho – Fio 24.1 cardado;
  • Gola com reforço de ombro a ombro. (Gola com um filete de malha reforçada de ombro a ombro com um pesponto nos ombros). Fio 30.1 penteado e 30.1 cardado;
  • Gola pespontada e Gola com reforço de ombro a ombro: acabamento completo na gola, mais resistente e bonito. Fio 20.1 penteado.

Ribana
A ribana pode conter 4% de elastano ou ser 100% algodão. A ribana com elastano é uma ribana que não arregaça, isto é, se for puxada ou depois de lavada ela volta ao normal. Porém a ribana 100% algodão não volta ao normal com a mesma eficácia que a de elastano, isto é, ela cansa ou arregaça depois de algum tempo de uso.

Tratamento do Fio
Estes tratamentos especiais no fio servem principalmente para pré encolher a camiseta e para purificar.

Compactação
Este tratamento se resume em um pré-encolhimento da camiseta.

Mercerização
A mercerização é um tratamento no fio feito com ácido (geralmente com soda cáustica) muito agressivo. Este tratamento cria várias características no fio, como:

  • Super encolhimento: A camiseta é pré-encolhida, sendo assim a mesma encolhe muito pouco na primeira lavada.
  • Aspericidade: a camiseta fica com um toque um pouco áspero.

Tipo de trama
Trama é a quantidade de vezes que os fios se cruzam por polegada na malha. Por exemplo: se a trama da camiseta for 15, os fios se cruzarão 15 vezes. Quanto maior o número da trama, mais fechada é a malha da camiseta.

Costura Interna
A utilização de linhas de alta resistência proporciona uma excelente qualidade e segurança na costura. Pois tem que ter pontos próximos para aumentar a resistência da costura e durabilidade da camiseta.

Rebatimento da gola
Proporciona melhor aparência, evitando o enrugamento. As melhores camisetas possuem gola com elastano.

Cores
O tingimento é um processo fundamental para que haja ótima solidez à lavagem e à luz, assim é necessário utilizar matéria prima de alta qualidade. A malha deve passar por um processo de compactação na hora do acabamento pós tingimento para garantir uma estabilidade dimensional dentro dos padrões comerciais (+- 5%) evitando que sofra torção ou encolhimento após as lavagens.